19891 Natanael Samory Baticã Lima (Suplente)

(Guiné-Bissau, 1981)

Licenciado em arquitectura pelo Departamento de Arquitectura FCT Universidade de Coimbra (2009)

Actualmente exerce a prática de arquitecto em projectos seus e em pareceria e é consultor da Presidência da República da Guiné-Bissau para a área urbanística destacando-se o projecto “NOVO BISSAU” e a concepção do edifício estatal UAAP “Unidade de Apoio a Agricultura e Pescas”.

Desenvolveu vários projectos em parceria com o arquitecto Pierre Goudiaby Atepa, “ La Maison de la Diáspora/Casa da Diáspora” Dakar, Senegal, Masterplan para a cidade Ministerial de Lomé, Togo (2016).

Foi convidado como orador principal na conferência “Arquitectura e Urbanismo” organizada pelo Ministério das Obras Públicas da Guiné-Bissau (2015). Orador convidado pela Associação Destino Caldas para o Ignite Portugal (2014).

Convidado para integrar o júri para a sessão de avaliação de trabalhos de alunos do V ano do DARQ/FCTUC (2014); convidado DARQ/FCTUC para integrar um grupo de reflexão constituído por seis ex-alunos e pela Comissão de Avaliação Externa do MIARQ.

Foi coordenador executivo do projecto DESTINOS: Projecto da Associação Destino Caldas desenvolvido pela disciplina de Projecto V, do Mestrado de Arquitectura (ano lectivo 2013/2014) do Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (DARQ/FCTUC), em parceria com a Câmara Municipal de Caldas reflexão e exposição da Rainha.

Foi coordenador executivo do projecto DESTINOS (2013) e colaborador do arquitecto Armando Rabaça no concurso para a sede da AMI em Cascais (2008).

Prémio “Universidades” na Trienal de Arquitectura de Lisboa para o tema: O Estuário como centro da Grande Lisboa (2007). Prémio “Alunos trabalhos distinguidos” na trienal de Arquitectura de Lisboa para o tema: O Estuário como centro da Grande Lisboa com o trabalho “Ponte Cidade” (2007). Selecionado para o Prémio “Secil” estudantes (2007).

Publicações: NOVA BISSAU - Projecto Urbano para as Infra-estruturas da Capital Guineense, a preparar a edição do livro. POGO - Um ajuste de contas com o futuro “Edifício POGO” (2015); Revista ÍCON - Delirium Coimbra “Museu U.C.” (2009);
Revista visão “Uma Ponte-Cidade” (2008).